DONATE

A política do som

Coordenadores: Ivan Ramos, Sarah Townsend, Olivia Gagnon

Este teach-in oferecerá uma introdução ao ramo crescente dos Estudos do Som e (espera-se) servirá como um fórum para a geração de ideias sobre as suas potenciais interseções com os Estudos da Performance. Uma maneira de abordarmos esses tópicos seria por meio de uma reflexão sobre como o enfoque no som pode contribuir para o tema central do Encuentro deste ano. Dado que a palavra “manifesto” tem suas raízes etmológicas numa palavra em latim que significa (tornar) “evidente” ou “visível”, seria possível imaginar um “manifesto sônico”? Será que isso exigiria repensarmos ideias sobre as interseções entre a performance e a política?

Biografias

Iván A. Ramos está cursando um doutorado em Estudos da Performance na UC Berkeley. Sua dissertação "Sonic Negations: Sound, Affect, and Unbelonging Between Mexico and the United States" explora o uso do som através de uma gama de práticas culturais, incluindo a arte contemporânea, a música eletrônica, o punk e o fanatismo.

Sarah J. Townsend é professora adjunta da Pennsylvania State University, University Park e coeditora (com Diana Taylor) de Stages of Conflict: A Critical Anthology of Latin American Theater and Performance. Está concluindo um manuscrito entitulado The Unfinished Art of Theater: Avant-garde Intellectuals and Uneven Development in Mexico and Brazil.

Olivia Gagnon está cursando um Ph.D. no Departamento de Estudos da Performance da Tisch School of the Arts, da New York University (NYU). Ela tem um mestrado em Estudos da Performance da NYU, com concentração na prática de som e curadoria, e um bacharelado em Literatura Inglesa e Teatro da University of Toronto.

Background Information
  • Lugar de apresentação: Concordia University, John Molson School of Business
  • Data: 23 junho 2014